sábado, dezembro 16, 2006

em tela suspensa


























Perante uma outra de mim oscila a hora
posta e exposta na rectangular forma
de um espaço fechado

O que sente não se sabe.
E passam… e repassa
no olhar, a curiosidade
sobre a mancha escarlate
imobilizada, enquadrada
na suspensão de alvas extremidades

Talvez os braços estenda sobre as águas
e, sem limite nem fronteiras, as afague
nos dedos, nascente de mar;
ou descanse o filtro coado do pensamento
ante muros levantados de cal
envolta no azul da mente

Talvez sorria sussurros ou pense
na solidariedade do momento
no gracioso cântico das almas
no suave leito de lama quente
eterno retorno de gente
ao doce embalo da criança

Posta e exposta
oscila a hora,
o instante breve
no canto perene do Tempo


(pintura de José Luís Abassolo)

Poema in "Transparência de Ser"



A todos desejo alegres Festividades plenas de Amor e Paz.

29 comentários:

BlueShell disse...

Espectacular!

TUDO!


Uma noite feliz...plena de sonhos azuis
BShell

Isa&Luis disse...

Olá minha querida,

Sem comentários! perfeito, absolutamente perfeito...


FELIZ NATAL!

Beijinhos muitos para ti

Isa

farinho disse...

Muito bonito.

Uma beijoca grande.

Maheve disse...

Neste momento de bons votos, quero desejar a vc muita inspiração para que nos brinde em 2007 com mais palavras belas.

Boas festas

Dad disse...

Olá Amita!

Costumo passar por aqui e ler-te mas agora vou estar muito ocupada.
Possivelmente não poderei voltar aqui
Senão depois do Natal.
Deixo-te um beijinho com os desejos
De muita felicidade.

Peter disse...

"Posta e exposta/Oscila a hora, o instante breve/No canto perene do Tempo"

Gostei muito do poema, de todo o poema.

"Finis coronat opus"

Carmem L Vilanova disse...

Querida amiga...
Aproveito hoje para deixar os votos de um Feliz Natal e um Ano Novo cheio de Paz e Prosperidade!
Beijos, flores e muitos sorrisos... sempre!

Menina_marota disse...

"...O que sente não se sabe.
E passam… e repassa
No olhar, a curiosidade
Sobre a mancha escarlate
Imobilizada, enquadrada
Na suspensão de alvas extremidades"

... na passagem de momentos, que abraçam instantes...

Adorei a conjugação do poema/imagem.



Um abraço carinhoso e retribuos os votos do fundo do coração.

FELIZ NATAL

mnemosyne disse...

Soletrar os lábios que murmuram às
superfícies, dançar enquanto as mãos se enfunam e os olhos se dilatam, subir pelas nervuras ao
alto do sentido, escutar o eclodir das palavras justapostas ao universo da língua...
Bela esta bordadura poética.
Votos de um feliz Natal :)
Um beijo

Luisa disse...

Vá lá saber-se o que pensa uma Mulher perante o mar!!!

António disse...

Minha querida amiga!
Já não passava por cá há algumas semanas.
A minha "novela" muito tempo me ocupou; depois uma vontade grande de descansar da escrita.
Vejo que continuas a fazer os teus posts com a magia das tuas palavras e a escolha minuciosa de belas pinturas.
E ainda a música seleccionada a preceito (Vivaldi é o que oiço agora).
Deixo-te um beijo, uma flor, um sorriso e...os votos (mais ou menos democráticos) de um Feliz Natal.

wind disse...

Belo como sempre:)
Desejo-te também um Bom Natal:)
beijos

Marconi Leal disse...

Te desejo um Natal belo como tuas palavras, Amita. Beijos.

ConchitaMachado disse...

Amita querida,
Lindíssimo seu Poema!!!
Também linda e significativa
a
pintura de José Luís Abassolo!

Desejo
Natal e Ano Novo
repleto de
Alegria,Paz,Amor,Esperança e
o valor da Solidariedade

Beijinho**

Maria Costa disse...

Um Natal suspenso em Paz.

Beijinhos.

In loko disse...

Querida amiga Amita, o canto das almas que riem de aleluia estão aqui nas tuas palavras... que muros, que barreiras, podem suster a sinfonia do pensar? Nenhum!!! Pensar, tal como respirar, não têm limites... o cosmos é a sua casa. Bom Natal e Festas Felizes menina... beijinho grande!!!

M.P. disse...

Um Feliz Natal cheiinho de coisas boas, de Paz e de Alegria! **

Juda disse...

Bom Natal e um 2007 feliz... um abraço...

Isa&Luis disse...

Feliz Natal!
Um beijo
Luis

António Melenas disse...

Bom Natal, óptimo 2007
e obrigado pele linda rosa
bjs
António

Estrela do mar disse...

............♥
...........***
..........*****
.........*Feliz*
........*********
......************
.....******Natal****
....****************
...******************
..********************
..........****
..........****
..........****



...e que o ano novo que se aproxima seja recheado de coisas muito, muito boas.

Besitosssssss.

Jorge Moreira disse...

Um Santo e Feliz Natal.
Votos de Felicidade para toda a tua Família.


Jorge Moreira

Manoel Carlos disse...

Feliz aniversário!

Natal sem sinos - Manuel Bandeira

No pátio a noite é sem silêncio
E que é a noite sem o silêncio?
A noite é sem silêncio e no entanto onde os sinos
Do meu Natal sem sinos?

Ah meninos sinos
De quando eu menino!

Sinos da Boa Vista e de Santo Antônio.
Sinos do Poço, do Monteiro e da Igrejinha de Boa Viagem.

Outros sinos
Sinos
Quantos sinos!

No noturno pátio
Sem silêncio, ó sinos
De quando eu menino.
Bimbalhai meninos.
Pelos sinos
De quando eu menino,
Pelos sinos (sinos
Que não ouço), os sinos de
Santa Luzia.

Rio, 1952

Nilson Barcelli disse...

Posta e exposta
Oscila a hora, o instante breve
No canto perene do Tempo

Escreves muito bem. Gostei imenso do poema. Do final nem se fala...
Beijos.

Manel do Montado disse...

Um 2007 cheio do que desejas. Voto singelo mas sentido e que o melhor de 2006 seja o pior de 2007.

bj

LUA DE LOBOS disse...

tudo o que eu desejo para os meus que seja em dobro para ti apenas poruqe mereces!
xi muito apertado
maria de são pedro

José Alberto Mostardinha disse...

Olá:

Venho desejar-te uma passagem de ano com óptima disposição.
Que 2007 te propicione todas as metas que para ele tens traçadas.
Muitas felicidades

Um beijo,

Sofia disse...

Olá!!!
Obrigada pela tua visita ao nosso blog e pelas palavras de incentivo.
Gostei muito deste poema e da música de fundo.
Bom Ano de 2007!!!
Beijinhos

meialua disse...

Quando mais um ano chega ao fim, percebemos que muita coisa importante aconteceu.
Fazemos um balanço das coisas positivas e negativas pelas quais passamos.



Fazemos novos planos,
começamos a lutar por
nossos sonhos e temos a
certeza que nesse ano
tudo dará certo.

É assim que se começa um
Ano Novo de verdade !



Com otimismo, com muita
confiança, com fé.



Lembra-te sempre que
as melhores e as mais
importantes conquistas
da vida se encontram
nas pequenas coisas.


Aguarda este novo ano
com o coração cheio de
alegria, paz e a confiança
de que tudo que for feito
com muito amor, com
certeza dará certo.


Um Feliz e Mágico 2007!