terça-feira, fevereiro 14, 2006

A Prece













Senhora dos passos largos
Valei-me nesta aflição
Espalhai os vossos brilhos
Iluminai os caminhos
De nadas que mais não são
Que escolhos e desvios

Senhora do Bem qu’ amais
Vede a natureza que fora
O doce abrigo o alimento
De tanto ser que agora
Vagueia em passos perdidos
Espirais de pó de vento

Senhora dos dias claros
Ouvi a prece da hora
Pelos riscos pelos traços
Vosso manto espalhai
Em amor fraternidade
Na caminhante voz
De silêncio em liberdade
Com sorrisos enfeitai
A Vida de todos nós
Senhora

5 comentários:

AS disse...

Amite adorei a musicalidade deste poema!... está lindo!!!

Beijosss

Menina_marota disse...

Espectacular!! Até me apeteceu cantá-lo!! Acompanhado à guitarra ficava lindo!
Um abraço ;)

Poesia Portuguesa disse...

"Senhora dos passos largos
Valei-me nesta aflição
Espalhai os vossos brilhos
Iluminai os caminhos..."

Uma boa oração para dizer nas minhas preces... adorei!

Bjinhos ;)

Peter disse...

Estou a precisar do auxílio da "Senhora dos passos largos". Como vão as traduções dos poemas?

Um beijo amigo*

Neith disse...

Palavras buriladas com profunda emoção...belo, muito belo este teu poema :)) Um beijo enorme